Sitraemg já tem ação coletiva pelo reajuste dos QUINTOS

Ingressada em maio de 2023, a ação beneficia todos os filiados ao Sitraemg que recebem esse passivo
Compartilhe

Ingressada em maio de 2023, a ação beneficia todos os filiados ao Sitraemg que recebem esse passivo

Em maio de 2023, o Sitraemg ingressou com uma ação coletiva pleiteando a aplicação dos percentuais da recomposição salarial, previstos na Lei 14.523/23, sobre as parcelas de Quintos/Décimos/VPNI. Ação beneficia todos (as) os (as) filiados (as) da entidade que recebem esse passivo.

O processo recebeu o número 1043199-92.2023.4.06.3800 e tramita na 10ª Vara Federal de Belo Horizonte.

Entenda

A Lei 14.523/2023 recompôs parcialmente a remuneração dos servidores do Judiciário Federal, em três parcelas anuais, sempre no mês de fevereiro: 6% em 2023, 6% em 2024 e 6,13% em 2025.

O artigo 1º da Lei prevê a incidência do reajuste sobre o vencimento básico e sobre as verbas previstas nos Anexos III e VIII da Lei 11.416/2016. Além disso, prevê a incidência sobre as demais parcelas remuneratórias devidas às carreiras dos servidores.

Os tribunais mineiros, entretanto, não aplicaram os percentuais da recomposição salarial nas parcelas de Quintos/ Décimos/ VPNI, dos servidores que recebem esses passivos.

O advogado Rudi Cassel, da assessoria jurídica do Sitraemg, explica que a Lei 14.523/2023 “expressamente” incidiu o reajuste sobre as parcelas remuneratórias.

“Assim, deve prevalecer sobre disposições legais anteriores e genéricas, por configurar diploma posterior e específico em relação aos servidores do PJU, conforme garante a Lei de Introdução às Normas do Direito Brasileiro”, argumenta.

Sitraemg na vanguarda

O coordenador do Sitraemg Alexandre Magnus ressalta que o sindicato está na vanguarda desta luta em defesa da categoria. “A nossa ação judicial busca reparar um erro cometido pelos tribunais mineiros”, afirma.

Ele destaca que foi a mobilização da categoria que possibilitou a recomposição salarial: “Agora estamos lutando para que o nosso direito, que está estampado na lei aprovada, seja garantido. Ou seja: a recomposição vale para os Quintos, Décimos e VPNI incorporados”, conclui.

Leia mais

Sitraemg ajuíza ação pela incidência dos percentuais da recomposição salarial sobre as parcelas dos Quintos

Sitraemg cobrará correção da VPNI/quintos nas parcelas da recomposição salarial

Advogado do Sitraemg explica situações gerais da questão dos quintos, em Uberlândia

Jurídico do Sitraemg tranquiliza servidores sobre absorção dos quintos na recomposição salarial

Assessoria de Comunicação
Sitraemg

 

Compartilhe

Veja também

Pessoas que acessaram este conteúdo também estão vendo

Busca

Notícias por Data

Por Data

Notícias por Categorias

Categorias

Postagens recentes

Nuvem de Tags