Servidores do TRT3 prestigiam lançamento do livro do colega poeta Ricardo Rachid

Compartilhe

O lançamento do livro  “Fragmentos sobre a falta”, do poeta e servidor TRT3 Ricardo Rachid, em 24 de maio, transformou o Centro Cultural do Minas Tênis, em Belo Horizonte,  num ponto de encontro de servidores da Justiça do Trabalho.

No saguão, os papéis de leitor ou leitora, amigo e colega de trabalho se misturavam muitas vezes, sem cerimônia.

Mônica Figueira, servidora do TRT, conheceu Rachid quando os dois trabalhavam na Secretaria de Informática, e hoje é sua leitora. “Li os outros livros dele, com certeza. A poesia dele é bem bacana e reflexiva. Um convite para pensar. Por isso vim, hoje. É um prazer prestigiar o lançamento desse novo livro”, disse.

Mônica9

Mônica Figueira passou de colega a leitora fiel da obra de Ricardo Rachid.

A servidora Maria Cristina Carvalho Costa afirmou que teve dupla razão para sair de casa numa noite gelada de maio. “Gosto de poesia e do Rachid. Não podia deixar de vir”, confessou.

Cristina
A servidora e esposa do escritor, Sângela Sabino, com Maria Cristina Costa e Ricardo Rachid

O servidor Eliel Negromonte Filho também é presença garantida nos  lançamentos literários de Rachid. “Sempre que deu, prestigiei esses momentos. Amigo é para essas horas boas também”, relatou.

Eliel e Rachid
Eliel Negromonte Filho com o escritor: “Não podia faltar”

Trilha poética

De todos os leitores presentes no lançamento, certamente o mais atento era o servidor Henrique Fagundes Carvalho.

Amanda,Rachid e Henrique6
Amanda Machado, Rachid e o servidor Henrique Fagundes, talento literário que desponta no TRT3.

Poeta e contista, Henrique informou que segue a trilha do colega e lançará, em breve, o seu primeiro livro, “Liturgia das horas”, pela Caravana Editora, a mesma de Rachid.

“Daqui a pouco sou eu”, comemorou timidamente o escritor, que disse ter aprendido a amar poemas com a avó, grande declamadora de versos.

Henrique é leitor voraz que já percorreu as emoções e aventuras dos seis livros publicados por Ricardo Rachid. O servidor também  tem pronto para publicação um livro de contos.

Assim como acontece com Rachid, o Sitraemg espera acompanhar e divulgar a agenda do promissor talento literário Henrique Fagundes.

Entusiasmados com a noite de lançamento, os filiados Carlos Nazareno “Cabeça”, que fará parte da nova direção estadual do Sitraemg, e Célio Izidoro, ambos integrantes do grupo de fundadores do bloco “A Justiça não é cega”, disseram esperar que muita literatura e arte entrem na agenda do servidores do judiciário federal nos próximos meses.

Afinal, a vida é luta e resistência e, também, festa e cultura.

Assessoria de Comunicação
Sitraemg
Leia mais: Servidor do TRT3 em BH lança livro nesta quarta-feira (24), às 19h, na Capital

 

 

 

Compartilhe

Veja também

Pessoas que acessaram este conteúdo também estão vendo

Busca

Notícias por Data

Por Data

Notícias por Categorias

Categorias

Postagens recentes

Nuvem de Tags