Projeto da recomposição salarial é aprovado na Câmara e segue para o Senado

Compartilhe

O plenário da Câmara dos Deputados aprovou na noite desta quarta-feira, 21 de dezembro, o PL 2441/2022, que trata da recomposição salarial dos servidores do Judiciário Federal.

da4a4b1f-991a-4867-97d9-5c2b94ba635b
Integrantes da caravana do Sitraemg (coordenadores Lourivaldo Duarte, Carlos Wagner, Marcus Vinicius e Paulo José da Silva), com o deputado Vilson da Fetaemg…

Foi a aprovado o substitutivo do deputado Eduardo Bismarck (PDT/CE), um dos relatores do projeto em meio a uma tramitação tumultuada ao longo dos últimos dois dias, com mudanças importantes em relação ao original.

O índice da recomposição passa de 18%, fixado na proposta original, para 19,25%.

dcc413ec-e4dd-41d1-afe2-68078a998b12
… e com o deputado Glauber Braga

Já a implementação se dará em três parcelas cumulativas, de 6% em fevereiro/2023, 6% em fevereiro/2024 e 6,13% em fevereiro/2025. O texto anterior previa a distribuição em quatro parcelas,sendo duas em 2023 (5% em 1º/04 e 4,25% em 1º/08) e duas em 2024 (4,25% em 1º/01 e 4,5% em 1º/07).

O projeto passará ainda por votação no Senado Federal.

9b82fe55-7b4a-46ab-a313-e275a866b18a
Os coordenadores Lourivaldo Duarte e Paulo José da Silva na noite desta quarta-feira (21), na Câmara, pouco antes da aprovação do projeto no plenário

Luta da categoria, agora, é pela reestruturação da carreira

“Não é o reajuste que desejávamos, mas é algo que vai aliviar nossas perdas neste momento”, avalia o coordenador geral do Sitraemg Lourivaldo Duarte, que integra a caravana do Sitraemg que está em Brasília. “Nossa luta, a partir de agora, é por buscar a reestruturação de nossa carreira e repor, efetivamente, nossas perdas”, projeta.

O coordenador do sindicato informa que, na discussão sobre o projeto na Câmara, foi relatado que o presidente da Casa, Arthur Lira (PP/AL), comprometeu-se a buscar uma solução para reparar a situação dos servidores que têm direito aos quintos e tiveram o passivo absorvido pelo projeto aprovado.

Trabalho intenso da caravana do Sitraemg

A caravana do Sitraemg que está em Brasília (DF) acompanha os passos desta etapa final de tramitação desde segunda-feira, 19 de dezembro.

Na terça-feira (20), o grupo permaneceu na Câmara durante todo o dia, dialogando com os deputados e defendendo a aprovação do projeto com implementação integral em 2023.

Dialogou, inclusive, com o relator do projeto naquele momento, Ricardo Silva (PSD/SP). Saiu da Câmara só depois do encerramento das discussões do dia, pouco antes da meia noite.

E retornou à Casa logo nas primeiras horas da manhã desta quarta-feira, 21 de dezembro, para acompanhar a sessão para a qual o PL 2441/2022 estava pautado. Um dos deputados visitados nesta quarta-feira foi Vilson da Fetaemg (PSB/MG).

Integram a caravana do sindicato os coordenadores Paulo José da Silva, Lourivaldo Duarte, Carlos Wagner Melo Franco e Marcus Vinícius Félix da Silva.

Muita pressão dos servidores

A pressão do funcionalismo público federal como um todo no Congresso Nacional levou os deputados a aprovarem a votação em regime de urgência de projetos de recomposição salarial de várias categorias.

A implementação de todos as recomposições em três parcelas foi acordada entre os presidentes da Câmara e do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD/MG), seguindo o parcelamento definido para o reajuste do funcionalismo da Casa revisora.

Assessoria de Comunicação
SITRAEMG

Compartilhe

Veja também

Pessoas que acessaram este conteúdo também estão vendo

Busca

Notícias por Data

Por Data

Notícias por Categorias

Categorias

Postagens recentes

Nuvem de Tags