Sitraemg denuncia ao Ministério de Direitos Humanos racismo contra trabalhador

Compartilhe

No dia 24 de abril, quarta-feira, a coordenadora do Sitraemg Joana D’arc Guimarães participou de audiência, em Brasília, com a Ouvidora Nacional de Direitos Humanos , Luzia Paula Cantal.

O objetivo da audiência foi reforçar a denúncia de prática de racismo cometida contra o instrutor de mecânica Vicente Batista. O fato, ocorrido nos anos de 1980, foi objeto de ação ajuizada no Tribunal Regional do Trabalho 3ª Região.

Vicente teve ganho de causa no Tribunal Superior do Trabalho (TST). O recurso de revista reconheceu que houve racismo no ambiente de trabalho.

No Ministério de Direitos Humanos, o Sitraemg reforçou o pedido de providências por parte da Ouvidoria para um caso que se arrasta há anos.

Além do Ministério, a Corte Interamericana dos Direitos Humanos recebeu denúncia e acompanha o caso.

A coordenadora executiva do Sindicato relatou que a ouvidora se prontificou a aceitar a denúncia formulada e a dar todos os encaminhamentos necessários.

“Esta ação do Sitraemg, de denunciar a violação de direito no ambiente de trabalho, corresponde aos nossos preceitos estatutários de luta contra o racismo e pelo respeito aos direitos humanos”, reforça Joana D’arc Guimarães.

Leia mais

Bloco do Sitraemg “A Justiça não é cega” participa da 9ª Marcha de Enfrentamento ao Racismo, em Contagem

Assessoria de Comunicação

Sitraemg

Compartilhe

Veja também

Pessoas que acessaram este conteúdo também estão vendo

Busca

Notícias por Data

Por Data

Notícias por Categorias

Categorias

Postagens recentes

Nuvem de Tags