Sitraemg reivindica que TRT3 crie 132 FCs1 na terceira fase de implementação da Resolução 296 do CSJT

Compartilhe

O Sitraemg encaminhou ofício ao presidente do TRT3 solicitando a criação de 132 FCs1 para as varas que possuem distribuições de 1001 a 2000 casos novos. O ofício foi encaminhado em 23 de setembro.

O objetivo é minimizar o impacto financeiro sobre a remuneração dos servidores em razão da retirada 409 FCs, definido pelo Pleno do TRT3, em julho.

Segundo o Tribunal, a retirada das FCs fez parte da primeira fase de implementação da Resolução 296, do Conselho Superior da Justiça do Trabalho, na 3ª Região Trabalhista.

No ofício, o Sitraemg demonstra que mesmo com a criação das 123 FCs1 haverá uma sobra orçamentária de R$ 84 mil mensais para a terceira etapa da implementação da resolução.

O sindicato cita a pesquisa realizada pelo Comitê de Pessoas acerca das tarefas e das atribuições de servidores designados para FC1, FC2 ou FC3 nas varas e foros trabalhistas.

O levantamento concluiu que há servidores (as) realizando atividades que deveriam ser remuneradas com alguma FC, mas estão sem receber a devida contraprestação.

O Sitraemg pontua que a criação de FCs1 supriria uma necessidade da administração, de “remunerar adequadamente os servidores que exerçam alguma atividade de assessoramento”.

Adiamento dos efeitos da Resolução do CSJT
Ainda no ofício, o Sitraemg pediu a prorrogação dos efeitos da Resolução 296 até 31 de dezembro de 2022, o prazo limite estabelecido pelo próprio ato normativo do CSJT.

O objetivo é adiar os impactos financeiros na remuneração dos servidores em razão da perda das FCs. “Mostra-se razoável que o Tribunal faça o possível para postergar os efeitos negativos que possam advir de suas atuações, especialmente quando esses efeitos irão impactar os próprios servidores e suas famílias”.

O sindicato destaca que, mesmo que acolhido o pedido da criação de 132 FCs, permanecerão os prejuízos para os que perderem as suas comissões.

Leia aqui pedido do Sitraemg

Leia mais

Extinção de FCs de varas do TRT3 é aprovada, mas mobilização mostra força dos servidores para a luta

Assessoria de Comunicação
Sitraemg

Compartilhe

Veja também

Pessoas que acessaram este conteúdo também estão vendo

Busca

Notícias por Data

Por Data

Notícias por Categorias

Categorias

Postagens recentes

Nuvem de Tags